Ser mãe é uma experiência única e particular.

por: Alce / há 10 meses

Ser mãe é uma experiência única e particular

Ser mãe é mergulhar de cabeça em águas desconhecidas, nada e nem ninguém consegue te dar real perspectiva do que te espera, é uma experiência única e particular, você dificilmente vai pular no mesmo ponto, a correnteza vai te levar de forma diferente a cada vez que você pular, você aprende para onde deve nadar quando se permite sentir e perceber os sinais a sua volta, e esses sinais se tornam cada vez mais claros. Calma você vai saber para onde ir!

Em um mundo que nos joga fotos e vídeos de bebes fofos e sorridentes a cada F5, nos parece ter adquirido um exemplar com defeito, em que a vida de ursinhos carinhosos sonhada dá lugar a uma realidade de caos, lagrimas e muito muito trabalho. E para apimentar nosso já abalado emocional uma enxurrada de palpites, e críticas veladas.

É um processo até que você aprenda a emergir e respirar na superfície deste turbilhão, e assim consiga apreciar toda a doçura da maternidade. Você aprende aos poucos que precisa cuidar também de você mesma para entregar o seu melhor. Descobre que aquela maternidade Pinterest que você desenhou na sua cabeça talvez não se realize mas que vocês ( mamãe e bebe) vão juntos descobrir o que funciona para vocês.

Você vai entender que mais se aprende do que se ensina,  vai revisitar a sua relação com seus pais e aprender tanto sobre você que talvez não se reconheça mais, a velha você fica para trás e surge a versão turbo. rsrs.. Você vai dar conta! Não de tudo, mais do que é fundamental, porque vai aprender a escolher o que realmente importa e é prioridade para você

Talvez você dê chupeta, porque percebeu que precisa descansar.

Talvez ele assista desenho, para que você consiga comer.

Talvez ele experimente doce antes dos dois anos.

Talvez ele faça birras e você finja que não conhece.

Talvez você não tenha 30 opções de legumes frescos por dia na Introdução Alimentar

Talvez você faça festas extravagantes de aniversário que antes criticava, porque percebe que tem muito a comemorar.

A maternidade é um looping eterno de cuspir para cima e cair na testa!!

O importante nisso tudo, é perceber que isso acontece EM TODAS AS CASAS, e ai é que está o valor de uma rede de apoio, que nos lembre “ei está tudo bem, você não está sozinha”.

Trocar experiências, dividir as angustias e rir juntas das nossas próprias trapalhadas.

E é o que queremos ter aqui, um espaço de troca com outras mães, bater um papo sobre o que funcionou para nós e o que funciona para vocês.  Vem com a gente?

Deixem nos comentários os assuntos que vocês querem aqui. Ser mãe é Ser mãe é Ser mãe é

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *